segunda-feira, 7 de abril de 2008

Diário: Mais um surto(Actualização)

Ainda não é certo, mas as dormências na perna esquerda indicam um novo surto, estou a tentar estar o mais calmo possível mas só de pensar que me pode afectar alguma coisa mete-me um pouco nervoso. Os surtos a mim não me assustam o pior é o que eles podem causar...

Vamos ver o que isto vai dar, mas uma coisa posso garantir...não me vou dar por vencido.

As melhoras...

Novidades:

Cheguei hoje do Hospital mais uma visita, desta vez não fiquei por lá, pois vim medicado para casa, vamos ver no que vai dar...Obrigado pela força...

4 comentários:

Anónimo disse...

Anime-se. Sua boa condição psicológica é essencial para uma vida sadia e normal.
Se vier o indesejável surto, procure o tratamento adequado e tenha fé em Deus.
Nossa cruz é do tamanho que podemos carregar. Não se deixe abater.
Gustavo, brasileiro, 31 anos, vivendo com EM há 3.

Forreta disse...

Telmo,
Também eu ando por aqui com uns sintomas semelhantes ao momento em que me detctaram a doença há ano e meio: perna presa, desequilibrios,pés dormente... e o medico diz que não é surto e que tenho que ter paciência. Já é a 3ª dose de comprimidos que tomo e não vejo resultados. A RM de Dezembro não acusava nada e cá vou andando. Temos que ter paciência a habituar-nos a esta "amiga" esforçando-nos ppor conhecê-la melhor.
Desculpa aproveitar o momento para falar de mim mas é para isso que servem os nossos comentários.
AS melhoras
Ferreira

António Certã disse...

o nosso maior receio não é que sejamos inadequados, o nosso maior receio é que sejamos inestimavelmente poderosos,
é a nossa luz, não a nossa escuridão, o que mais nos assusta,
os actos insignificantes não servem ao mundo,
todos nascemos para brilhar, como as crianças,
e quando deixamos a nossa luz brilhar, inconscientemente, autorizamos os outros a fazerem o mesmo...
aquela força...

Patricia Fernandes disse...

ola querido Telmo, espero que já estejas bem.... tenho saudades de falar contigo!
Força.....



Patricia - Montijo
(pode ser que nos encontremos novamente na proxima consulta do neurologista (novamente) e que tejamos melhor que nunca!


BEIJINHOS